Ser Feliz | O Caminho Para A Felicidade

Ser Feliz | O Caminho Para A Felicidade
Já há algum tempo que queria escrever sobre este tema mas por algum motivo fui sempre adiando. Ser feliz é algo que todos procuram, mas nem todos acham. Até porque a felicidade não é algo que se acha, mas algo que se trabalha.
 
Nestes últimos anos aprendi muita coisa. E talvez a mais importante de todas, aprendi ao que dar importância. Relativizar as coisas, simplificá-las e pô-las em perspetiva.
O ser humano tem tendência a complicar tudo e isso por si só já é um grande obstáculo. Mas este texto não é sobre a felicidade em geral, é sobre como eu cheguei à minha.

“A felicidade não é algo que se acha, mas algo que se trabalha.”

A adolescência não é fácil para a maioria de nós e para mim mostrou-me o que são amigos falsos e amizades tóxicas. Pessoas que falam bem à nossa frente, nos convidam para todo o lado e conversam connosco todos os dias, mas que por trás têm inveja e fazem de tudo para nos magoar. Aprendi na primeira mão o que significa a lei do desapego e houve um dia em que tomei a decisão de cortar essas pessoas da minha vida.
Esta decisão aconteceu devido a vários acontecimentos que me magoaram e de um dia para o outro (literalmente) deixei de lhes falar. Custou-me muito na altura mas rapidamente percebi que tinha sido uma das melhores decisões que já tinha tomado. De repente não haviam problemas, intrigas, mentiras e a minha vida começou a correr muito melhor. Percebi que o medo de ficarmos sem amigos é parvo e que sobrevivemos muito facilmente a isso.
E o que custou foi unicamente esse primeiro passo, talvez porque tenha cortado muita gente de uma vez só. A partir daí comecei a aplicar a lei do desapego mesmo sem me aperceber. Não dou confiança a toda a gente e não considero amigo qualquer um. Consigo cortar relações muito facilmente e apercebo-me cada vez mais cedo de pessoas tóxicas e negativas. Aprendi que só vale mesmo a pena estar perto de quem nos quer bem.
 
E quando nos rodeamos de pessoas positivas e verdadeiras a vida corre muito melhor. É claro que vão haver sempre dias maus, onde perdemos um familiar ou discutimos com alguém que gostamos. Mas isso não significa que não sejamos felizes. É um mau momento e nós temos o poder de o transformar em algo melhor, pedir desculpa e passar à frente.

“Aprendi que só vale mesmo a pena estar perto de quem nos quer bem.”

E foi com a perda de um familiar próximo que aprendi a por tudo em perspetiva e a dar apenas importância ao que realmente é importante. Sempre fui uma pessoa que se chateava com facilidade. Qualquer coisa que me fizessem de mal era automaticamente “terrível” e deixava que tudo me mandasse a baixo. Dava demasiado poder às outras pessoas. Mas quando percebemos o que realmente é importante, como a nossa família, esse poder muda. E passamos a escolher as coisas pelas quais nos deixamos afetar.
Durante a faculdade tive várias discussões que me estragavam o dia, ou até mesmo a semana. Eu achava que a culpa era das outras pessoas por me estarem a fazer algo para me sentir assim mas a verdade é que era eu que me escolhia sentir assim.
Dava demasiada importância a coisas que na verdade pouco ou nada afetavam a minha vida. Aprendi que por vezes, mesmo sabendo que os outros estão errados, não vale a pena dizer nada. Aprendi a pensar antes de falar (coisa que ainda está em progresso) de modo a prever o que irei ganhar com algo. Se disserem X ou Y vão entrar numa discussão? Vão ter pessoas chateadas com vocês? Vão se chatear? Então porque não apenas ignorar? Sempre ouvi dizer que “se não tens nada de bom para dizer então não digas de todo”.
 

Percebi que o poder de escolher ao que dar importância e o poder de escolher quem está na nossa vida são duas coisas fundamentais para se ser feliz.

Que devemos simplificar tudo ao invés de complicar. E no meio desse processo percebi que são nas coisas mais simples que encontro as maiores alegrias. São nos pequenos momentos em que tenho tempo para mim, nos momentos com a minha família e amigos, nas viagens, nas idas à praia, etc.
Agora dou apenas importância às coisas/pessoas que me fazem bem e com isto passei a dar valor a coisas que dava por garantidas. Agora sorrio muito mais do que fico triste. Agora converso mais do que discuto. Agora sinto que tenho mais amigos do que antes embora sejam muito menos. Agora percebo o que é preciso para ser feliz.
A felicidade não se ganha com objetos, pessoas ou momentos. A felicidade é um estado no qual escolhemos estar. Ser feliz só depende de nós, do nosso positivismo e da nossa alegria. E quanto mais felizes formos, mais felicidade atraímos.
 
Para se ser feliz é preciso largar tudo o que nos torna infelizes. Seja o que for. Porque quando tiramos todas as coisas más, apenas restam as boas.

Gostaste deste post? Partilha-o!

Ser Feliz | O Caminho Para A Felicidade
 

42 Comments

  1. Pedro Oliveira 9 de Outubro, 2018

    Realmente temos que nos afastar dessas ditas "amizades" para melhorarmos a nossa vida. Nunca fui muito de ter muitos amigos, amigos esses que considero verdadeitos, mas dou valor aos que tenho e estão cá nos bons e maus momentos.

    Responder
    • ayellowrain 16 de Outubro, 2018

      Exatamente Pedro! Normalmente os que estão cá nos maus momentos estão cá sempre.

      Responder
  2. Helena Nunes 9 de Outubro, 2018

    Revi-me tanto nesta frase "Aprendi que só vale mesmo a pena estar perto de quem nos quer bem."
    É como digo: na minha vida só quero e preciso de quem me quer bem e me faz bem.
    Felicidade e boas energias atraem coisas boas 😀

    https://theincompletediary.blogspot.com

    Responder
  3. Sidonia Jesus 9 de Outubro, 2018

    Na vida há sempre opções, quando aprendemos a tomá-las ou temos coragem para o fazer significa saber o que queremos para nós, algo que sempre vos tentei transmitir…

    Responder
    • ayellowrain 16 de Outubro, 2018

      Pois é tia o problema é que nem sempre temos essa "coragem".

      Responder
  4. Kaila Garcia 9 de Outubro, 2018

    Amei seu post, acho que a felicidade plena é ilusão, acho que são os pequenos momentos que a constrói e que nos mantém!

    http://www.kailagarcia.com

    Responder
  5. TheNotSoGirlyGirl 9 de Outubro, 2018

    escolher quem esta na nossa vida, quem está ao nosso lado é das coisas mais importantes para nos sentirmos bem! isso tenho de concordar!
    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    Responder
  6. mads. 9 de Outubro, 2018

    Não podia estar mais de acordo contigo!
    E digo-te é nos pequenos detalhes do quotidiano que encontro felicidade 🙂

    Um beijinho,
    piquimads

    piquimads.blogspot.pt

    Responder
    • ayellowrain 16 de Outubro, 2018

      É não é? Por vezes fico tão feliz simplesmente por beber água quando estou com imensa sede. Coisas que damos por garantidas mas que são o melhor que temos.

      Responder
  7. Os Piruças 9 de Outubro, 2018

    Belos texto e boas lições de vida!
    Continua a trabalhar na tua felicidade.

    Os Piruças
    https://os-pirucas.blogspot.com/

    Responder
  8. Sofia Veloso 9 de Outubro, 2018

    O que eu sempre digo é que há momentos na nossa vida que acontecem e deixam uma felicidade
    Beijinhos
    Novo post //Intagram
    Tem post novos todos os dias

    Responder
  9. Freeoversea 10 de Outubro, 2018

    Não ha nada mais puro no mundo do que ter sempre aquele sorriso no rosto! É automático, assim que começamos a sorrir, ainda que forcado, o nosso cérebro tem a capacidade de se conectar a essa sensação de pura felicidade 🙂
    Mantém sempre esse sorriso magnifico 😀

    With love and sunshine,

    Patricia & Miguel
    http://www.freeoversea.com

    Responder
  10. Sofia 10 de Outubro, 2018

    Concordo plenamente com tudo o que escreveste. Acho que faz parte do nosso crescimento como pessoas aprender a ver a vida e a questão da felicidade de outra forma e é verdade o que dizes, ser feliz é uma escolha e só depende de nós (;

    Responder
  11. Miguel Gouveia 10 de Outubro, 2018

    Eheheh mas isso já vai depender do dinheiro que tenhas para gastar 🙂

    Gostei imenso do teu texto. Não podia concordar mais 🙂

    NEW YOUTUBE POST | CLOSET TOUR AND A LOT OF FASHION TIPS
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me 😀

    Responder
  12. Pathy Guarnieri 10 de Outubro, 2018

    O que dizer do seu post? Incrível! Concordo com as suas palavras!
    Ser feliz só depende de nós, com toda certeza!

    Beijo!
    Cores do Vício

    Responder
  13. AlwaySmile 10 de Outubro, 2018

    gostei muito das tuas palavras é importante saber aprender a ser feliz com aqueles que nos fazem realmente bem. Ser feliz é acreditar em nós mesmos.

    Parabéns

    Responder
  14. Marta Carvalho 10 de Outubro, 2018

    "Aprendi que só vale mesmo a pena estar perto de quem nos quer bem.", revejo-me tanto nessa frase! Concordo com tudo o que disseste! 😀

    http://www.amarcadamarta.pt

    Responder
  15. FashionRadi 11 de Outubro, 2018

    Amazing post and such a great topic to cover. I think we choose our own happiness!

    http://www.fashionradi.com

    Responder
  16. Latika sharma 11 de Outubro, 2018

    Thanks for sharing your info. I really appreciate your efforts and I will be waiting for your further write ups thanks once again.
    Parker Pens for promotion

    Responder
  17. The Pink Elephant Shoe 11 de Outubro, 2018

    Disseste tudo coração. O que custa é mesmo o percurso até atingirmos em pleno esse dito estado de felicidade. Ás vezes é muito difícil perceber que complicamos mais do que nos ajudamos..

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    Responder
  18. Ela e Ele 11 de Outubro, 2018

    É mesmo verdade. Muitos parabéns pela aprendizagem. Muitos parabéns pelo bonito texto. Mas muito obrigado mesmo pela partilha!

    Responder
  19. Brenda C. 12 de Outubro, 2018

    Gostei muito do post! Realmente a felicidade depende da nossa postura para com a vida! Obrigada por me teres lembrado disso <3

    Beijinhos, Brenda
    http://momentosdeataraxia.blogspot.com/

    Responder
  20. Valeria Nest 12 de Outubro, 2018

    Great post, dear!
    I like your blog so much!
    Following you from now 🙂 №668
    I will be very happy if you follow me back 🙂
    Have a good day!

    My blog – http://www.valeriianest.com/

    Responder
  21. Cláudia Cerdeira 15 de Outubro, 2018

    Que post! A verdade é que a felicidade hoje em dia torna-se tão relativa, que por vezes é difícil encontrarmo-la. Mas de facto nada melhor que os pequenos momentos para nos relembrar que a felicidade existe e que deve fazer parte da nossa vida.

    Beijinho,
    Cláu.

    https://oblogclau.blogspot.com

    Responder
  22. […] estamos verdadeiramente felizes, tudo o resto corre bem. Reflete sobre as coisas que te impedem de ser feliz. Leva o tempo que precisares, dias, semanas, e depois toma uma decisão sobre as mesmas. Afinal, […]

    Responder
  23. […] Lê também: Como ser feliz! […]

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.